E O MARACA SE CALOU! | Diário Celeste
HomeCrônicasE O MARACA SE CALOU!

E O MARACA SE CALOU!


Salve, salve nação celeste! Num Maracanã lotado o Cruzeiro arrancou um importante empate (1 x 1 – gol de Arrascaeta) no primeiro jogo da final da Copa do Brasil e está a 90 minutos de conquistar o pentacampeonato da competição.

O jogo foi tão difícil como todos esperavam, o Flamengo dominou as ações e o Cruzeiro se limitava a se defender. A tática já conhecida de nosso treinador, de esperar o adversário e se der aproveitar um erro pra surpreender. Mas o domínio do Flamengo era só de posse de bola, o Cruzeiro não deu nenhuma oportunidade ao adversário, se fechava bem, mas era inoperante no ataque.

No segundo tempo a história se repetia, os times mantiveram as mesmas posturas no início, até que os treinadores mexeram em suas equipes. Mano tirou Rafael Sóbis, que já cansamos de reclamar de seu futebol, e colocou o jovem Raniel, que entrou cheio de vontade e produzindo muito mais do que Sóbis. O Flamengo foi mais ousado, o time carioca tirou um de seus laterais, colocando mais gente pra atacar o Cruzeiro. Mas mesmo assim o Flamengo chegava, mas aquela oportunidade clara não aparecia, até que num bate rebate, numa sobra de escanteio o time do Rio de Janeiro fez seu gol, que mesmo que tenha sido fruto de um impedimento escandaloso, fez justiça ao time que demonstrava dentro de campo vontade de vencer.

O Cruzeiro precisou tomar o gol para se arriscar mais, só assim para Mano mexer de verdade no time, colocou De Arrascaeta e o jovem uruguaio entrou para mudar a história do confronto e empatar o jogo num rebote do goleiro carioca, aliás a tranquilidade de Arrascaeta quando está frente a frente com o gol é diferenciada, Arrasca faz mesmo a diferença. Temos ainda que destacar um grande jogo de Henrique, Murilo, Leo e principalmente, Fábio. O camisa 1 do Cruzeiro foi mais uma vez decisivo e desequilibrou.

O jogo terminou empatado e como já dissemos aqui muitas vezes, o jeito de Mano conquistar seus resultados é esse, longe das tradições de que gosta a torcida cruzeirense, mas que, do alto de sua maneira burocrática de jogar, vem dando resultado e chega nessa ultima partida da decisão com totais condições de se tornar campeão.

Ao final a torcida, claramente,  saiu comemorando o belo resultado e a grande chance que se tem de confirmar o título no Mineirão no próximo dia 27 de setembro. Mas é preciso deixar a euforia somente nas arquibancadas e manter a concentração para que esse título se confirme. A torcida celeste, que deu um show no Maracanã calando os mais de 50 mil flamenguistas,  vai fazer a festa e garantir o ambiente de pressão que o time precisa pra vencer.

Difícil é conseguir segurar a ansiedade até chegar a grande final, enquanto isso, é disputar o Brasileirão e vencer os jogos pra manter o moral elevado sempre.

Avante Cruzeiro!!!

Eu quero esse penta!!!

Um grande abraço a todos e todas!!!

Até a próxima!!!

 

Compartilhar com:

Simplesmente um homem de fé. ah e Cruzeirense também, aliás, cruzeirense demais!!!

Comentários